top of page
  • Midiamax

Genro liga para dizer que grávida morreu e mãe desconfia de assassinato em Campo Grande



Divulgação

Uma mulher procurou a delegacia de Campo Grande, na noite desta segunda-feira (18), para comunicar a morte da filha de 26 anos, que estava grávida. A suspeita da família é que o genro tenha envolvimento na morte da jovem.

A mulher contou na delegacia que recebeu um telefonema do genro dizendo que a vítima havia atentado contra a própria vida usando uma corda, mas que havia sido socorrida e levada para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do bairro Nova Bahia.

Contudo, o genro disse que logo depois ela não resistiu e morreu. A mãe da jovem ainda disse que a filha estava grávida e morava há pouco tempo com o homem, e que não sabia do endereço atual da vítima.

Ainda de acordo com informações, quando foi até a unidade de saúde, os médicos disseram que a corda era muito fina para causar a morte. Ela ainda relatou que o genro estava sob efeitos de drogas. O caso foi registrado como morte a esclarecer.

Comments


bottom of page