top of page
  • JD1

Francisco Cezário é alvo de operação do Gaeco em Campo Grande



Equipe do Gaeco na frente da sede da FFMS (Brenda Assis)

O Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado) saiu as ruas na manhã desta terça-feira (21) para dar cumprimento a mandados judiciais na sede da Federação de Futebol de Mato Grosso do Sul e contra o atual presidente Francisco Cezário de Oliveira.

O Ministério Público não se manifestou oficialmente sobre a operação. Contudo, o JD1 Notícias apurou que equipes estão divididas na frente da federação, na rua 26 de Agosto, e também na casa de Cezário, na região do bairro Taveirópolis.

As primeiras informações apontam que a investigação é contra a lavagem de dinheiro na entidade, que recebe aporte financeiro do Governo de Mato Grosso do Sul e também da CBF (Confederação Brasileira de Futebol).

Cezário está cumprindo seu sétimo mandado como presidente da FFMS. A última eleição ficou marcada por conta de uma briga judicial.


Comments


bottom of page