top of page
  • Divulgação

Em Nova Andradina, Prato “Delícias da escola” ganha primeiro lugar na etapa municipal do 2º Desafio

Realizada por meio do programa Cidade Empreendedora, executado pelo Sebrae/MS em parceria com a Prefeitura, iniciativa visa valorizar o trabalho dos profissionais e fortalecer a agricultura familiar


Na quarta-feira (27) e quinta-feira (28) desta semana, aconteceu a etapa municipal do 2º Desafio Estadual de Nova Andradina. O primeiro lugar foi conquistado pela merendeira Cristiane da Silva Xavier da Escola Machado de Assis, com o prato “Delícias da Escola”. O evento foi promovido pelo Sebrae/MS em parceria com a Prefeitura Municipal, por meio do programa Cidade Empreendedora, e visa valorizar o talento e a criatividade de quem prepara as refeições dos estudantes nas escolas municipais, incentivando o uso de produtos mais saudáveis.


De acordo com o prefeito de Nova Andradina, Gilberto Garcia, o desafio proporciona qualificação e incentivo às merendeiras. “É uma maneira de trazermos foco para essas profissionais, elevando a autoestima, fazendo com que elas se sintam importantes, melhorando o conhecimento dessa profissional também”, ressalta o prefeito. O mesmo comenta a secretária municipal de Educação, Cultura e Esporte (SEMEC), Giuliana Masculi Pokrywiecki, sobre a valorização e o aprendizado no workshop. “O desafio é importantíssimo. No começo as merendeiras ficam receosas em participar, meio tímidas, mas na hora da seleção das receitas, elas se sentem valorizadas, mais ‘vistas’. Este ano, o número de inscritos já foi maior do que o do ano passado, por exemplo”, comenta a secretária.


Na quarta-feira (27), profissionais da cozinha aprenderam técnicas de manipulação e preparação de alimentos em um workshop, ministrado pelo chefe Paulo Vasconcelos. Após a capacitação, na quinta-feira (28), um corpo de jurados, composto por representantes do comércio alimentício local, juntamente com o chefe, elegeram a vencedora representada do município.


A merendeira vencedora destaca o amor pela cozinha e como os alunos ficam felizes com certos pratos elaborados por essas profissionais. “É a primeira vez que eu participo, primeira vez que eu ganho, e que seja a primeira de muitas, né? E aprender a cada dia também. No desafio, aprendemos coisas novas, a reaproveitar alimentos. Minha inspiração para a receita também vem do amor, amor naquilo que eu faço, dedicação, ter carinho, ter zelo”, enaltece a ganhadora.


Segundo o chefe Paulo Vasconcelos, o objetivo do trabalho realizado é estimular a administração municipal a adquirir produtos oriundos da agricultura familiar por meio do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE). Com



_Informe Publicitário

Kommentare


bottom of page