top of page
  • MS.gov

Em Encontro Nacional do Judiciário, governador destaca ambiente de harmonia entre os poderes

O governador Eduardo Riedel ressaltou que Mato Grosso do Sul goza de um clima harmônico entre os poderes Executivo, Legislativo e Judiciário na busca de soluções e convergências. Em seu discurso, na noite da quarta-feira (4), durante a abertura do II Encontro Nacional dos Centros de Inteligência do Poder Judiciário, Riedel enfatizou as conquistas socioeconomicas do Estado.


"Nos últimos anos, o Estado multiplicou por cinco o seu produto interno bruto. Possui a terceira menor taxa de desemprego do País. Nossas escolas em tempo integral já atingem 69% dos alunos da rede pública estadual. E, desta maneira, com os poderes atuando de forma harmônica e com políticas públicas de inclusão construímos o sentimento de justiça", concluiu.


O chefe do Executivo estadual fez questão de mencionar que o Governo tem como pilares uma gestão verde, inclusiva, próspera e tecnológica.


Em seu pronunciamento, o presidente do TJMS (Tribunal de Justiça do Mato Grosso do Sul) e membro do CIPJ (Centro de Inteligência do Poder Judiciário), Sergio Fernandes Martins, falou que o evento é "uma boa oportunidade para compartilhar boas experiências".


Já o ministro do Superior Tribunal de Justiça, Reynaldo Soares da Fonseca, ressaltou na sua palestra magna que é preciso perseverar na construção de sociedade sólida, resgatando princípios fraternos e que uso de novas tecnologias aplicadas no Judiciário podem contribuir para alcançar esses valores.


O encontro de magistrado acontece no Centro de Convenções da cidade de Bonito e vai até o próximo dia 6. Durante os três dias de encontro serão abordados, dentre outros temas, o pensamento sistêmico para a solução de problemas complexos, a gestão de precedentes, políticas públicas de prevenção à litigância predatória e à litigância repetitiva, bem como práticas de cooperação entre os diversos Centros de Inteligência do País.


Ainda estavam presentes na abertura, a secretária de Estado de Administração, Ana Carolina Nardes; procuradora-geral do Estado, Ana Carolina Ali Garcia; conselheira do Conselho Nacional de Justiça e membro do CIPJ, Salise Monteiro Sanchotene; diretor da Escola Judiciária do Mato Grosso do Sul, Odemilson Roberto Castro Fassa; desembargador Federal do TRF – 3ª Região, Luis Carlos Hiroki Muta; conselheiro Estadual Carlos Alberto Almeida de Oliveira Filho; e o defensor Público-Geral de MS, Pedro Paulo Gasparini, entre outras autoridades.


Doação para o Instituto Mirim Ambiental

Antes da cerimônia do Encontro do Judiciário, o governador participou da doação de 15 computadores que o TJMS fez ao Instituto Mirim Ambiental de Bonito. O governador foi recebido pelas crianças com entusiasmo. E num rápido pronunciamento, Riedel destacou o engajamento da comunidades em iniciativas como do Instituto e elogiou a atitude do Tribunal, que colabora na formação dos jovens.



Comments


bottom of page