top of page
  • JD1

Brasil teve mais de 17,3 milhões de hectares queimados em 2023

Em relação à 2022, houve um aumento de 6% na área queimada

A plataforma Monitor do Fogo, do MapBiomas, mostrou que o Brasil teve mais de 17,3 milhões de hectares queimados apenas em 2023, tamanho maior que o território de alguns estados, como Acre ou Ceará.


No total, a área queimada no ano passado corresponde a aproximadamente 2% do território brasileiro. Em relação à 2022, a plataforma observou um aumento de 6% na área queimada.


“Em 2023, o El Niño desempenhou um papel crucial no aumento dos incêndios na Amazônia, uma vez que esse fenômeno climático elevou as temperaturas e deixou a região mais seca, criando condições favoráveis à propagação do fogo”, avaliou a diretora do Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia (IPAM) e coordenadora do MapBiomas, Ane Alencar.


Em dezembro do ano passado foi registrada a queima de 1,6 milhão de hectares no país, maior área para o mês desde 2019, quando se deu início a série história.


Segundo a pesquisadora, o cenário só não está pior devido a uma redução no desmatamento.


“Se não fosse a redução de mais de 50% no desmatamento, diminuindo uma das principais fontes de ignição, com certeza teríamos uma área bem maior afetada por incêndios na região”, comentou.

Commentaires


bottom of page