top of page
  • Ivinotícias

Após segunda derrota seguida, Carpini vê oscilação do São Paulo com naturalidade: 'É do futebol'




Foto: Divulgação


O técnico Thiago Carpini não escondeu sua frustração com a derrota no clássico para o Santos, nesta quarta-feira, no Morumbis, pela oitava rodada do Campeonato Paulista. Com o resultado negativo, o São Paulo amargou seu segundo revés consecutivo na temporada.

O treinador lamentou a sequência negativa, mas enxerga o momento de oscilação com naturalidade. Ele entende que isso faz parte do futebol e garantiu que o clube irá trabalhar para reverter o cenário.

"É normal oscilar não só no futebol, mas na vida também. A gente trabalha para passar por esses momentos, o grupo é muito convicto, a chateação deles no vestiário está estampada. Nós vamos voltar a vencer, vamos perder jogos, é do futebol. A convicção segue a mesma", declarou o comandante.

No último sábado, o São Paulo foi derrotado pela Ponte Preta, em Campinas, por 2 a 0. O time, que havia acabado de quebrar o tabu em Itaquera, contra o Corinthians, e do título da Supercopa do Brasil, diante do Palmeiras, passa pelo seu primeiro momento de instabilidade na temporada.

O goleiro Rafael negou que o Tricolor esteja relaxado com os bons resultados recentes, mas admitiu que a derrota no clássico acende o "sinal de alerta".

"Não acredito em relaxamento, ao meu ver não merecíamos a derrota, controlamos o jogo. Eles tiveram só o pênalti e um outro chute no primeiro tempo. É claro que a vitória era muito importante, a derrota ela preocupa, acende o sinal de alerta. O grupo é comprometido, agora é pensar no jogo de sábado para pontuar e voltar ao caminho das vitórias", disse o jogador à CazéTV, na saída de campo.

Com um jogo a menos, o São Paulo continua na liderança do Grupo D, com 13 pontos, mas pode ser ultrapassado por São Bernardo e Novorizontino. A equipe vai em busca da reabilitação neste sábado, quando enfrenta o Bragantino no Morumbis, a partir das 18h (de Brasília).


Comentarios


bottom of page